[Revista de Imprensa] “Pagou 3,99 euros a mais na conta de telemóvel? Pode ter sido vítima de “wap billing”

São chamados “serviços da sociedade de informação” e só damos conta que os subscrevemos quando chega a conta do telefone. Na maior parte das vezes, o consumidor nem sabe o que fez.

Já lhe apareceram “serviços adicionais” na factura de comunicações e não sabia do que se tratava? Provavelmente, subscreveu um serviço sem saber. Sim, isso é possível. Trata-se de um serviço chamado de “Wap Billing”, ou seja “serviços da sociedade de informação”.

Como é que pode acontecer?

– O utilizador móvel acede a um site

– O utilizador carrega em botão de download, joga ou responde a um quiz ou sondagem

– O utilizador recebe um SMS a dizer que foi debitado 3,99 euros (o limite legal são 4 euros semanais)

– Geralmente, não há ligação ao site que serviu de acesso ao serviço.

Se foi vítima deste tipo de serviço, pode reclamar junto da ASAE ou assinar a petição criada para que a Assembleia da República legisle de forma a acabar com estas situações.

Os peticionários pedem que todos os operadores barrem, por defeito, este tipo de serviço.”

http://rr.sapo.pt/artigo/85554/pagou_399_euros_a_mais_na_conta_de_telemovel_pode_ter_sido_vitima_de_wap_billing

Anúncios